Sorry, you need to enable JavaScript to visit this website.

Treinamento

É fácil culpar algo quando uma junta não veda ou quando ocorre vazamento na junta aparafusada.

Normalmente culpa-se a junta e muitas vezes se aplica uma carga ou torque a mais sem medir as consequências que terá nos componentes em questão, na tentativa de vedar a conexão.

Porém se por um lado a junta desempenha um papel importante na vedação, outros fatores podem ter causado o defeito. Elaboramos uma página que detalha as causas comuns de vazamento de flanges. O Estudo OFPM (Observações e Fatos Constatados Post Mortem) documenta porque as vedações apresentam falhas e destaca as seguintes causas como sendo a raiz do problema:

  • Desalinhamento das flanges (12%)
  • Parafusos soltos (15%)
  • Junta defeituosa (22%)
  • Flange danificado (25%)
  • Instalação errada (26%)

Conforme o estudo está mostrando, componentes danificados, equipamento desalinhado e montagem errada das juntas, como um todo, causaram mais falhas de vedação que os vedadores.

É fundamental para a integridade das juntas a competência do pessoal que participa do processo de inspeção, montagem e aperto das conexões com flanges fixadas por meio de parafusos, inclusive os empreiteiros durante a parada de funcionamento quando a mão de obra está no seu pique.

Muitas vezes se confunde treinamento e competência, com experiência e conhecimento; treinamento não é garantia alguma de competência, nem experiência é garantia de conhecimento e entendimento.

Treinamento, experiência e avaliação de conhecimento são todos eles necessários para se alcançar a competência.

A Hydratight oferece cursos de treinamento para aplicações submarinas e de superfície, e também um pacote didático eletrônico sobre fixação por meio de parafusos. Saiba mais aqui.